O transporte em Londres

A libra não é uma moeda fácil para nós brasileiros. Com o câmbio a R$ 3,40 (10/04), a gente até assusta quando converte o preço de algumas coisas. Além das dicas gerais já postadas aqui, recebi algumas novidades específicas para Londres, então resolvi compartilhar.

O tópico de hoje se concentra nos transportes públicos.  Para utilizá-lo você tem 2 opções, comprar os bilhetes individualmente, fazer 1 cartão Oyster, ou um Travelcard. Apenas pesquisando já pude perceber que comprar bilhetes individuais é uma má idéia, a não ser que você vá andar de transporte público uma só vez. Eles saem muito mais caros. Quer ver?

O Oyster pay as you go (pré-pago) para visitantes é custa £ 2 + a quantia que você quer carregar. Com ele você paga £ 1 no ônibus e £ 1,60 no metro (na zona 1-2). Para você ter noção, uma viagem comprando o ticket na hora, sai £ 2 no ônibus e £ 4 o metrô.  Qual a diferença entre ele e um travelcard? No travel, você paga um montante fixo para viagens ilimitadas. Ele tem validade para 1/ 3/ 7 dias, 1  mês e  1 ano (a partir de £ 5,60 o diário – até £ 99,10 o mensal para a zona 1-2).  Caso queira economizar mais ainda, ou não goste de andar de metrô, ou queira ver a cidade de cima, pode comprar apenas o passe de ônibus que sai £13,80 o semanal.

Oyster pay as you go ou TravelCard? Mesmo sendo descontado a cada viagem, eu considero o Oyster vantajoso porque o cartão tem um limite máximo de desconto por dia. Exemplo: se você fizer dezenas de viagens na zona 1-2, o valor máximo que será descontado do seu crédito é de £6,70, isso se for em horário de pico – de seg à sex: 6h30 a 9h30 ou 16h a 19h – caso contrário esse valor cai para £5,10.  Um pouco menor que um TravelCard diário. Para calcular qual cartão vale mais a pena, você tem que levar em conta quantar viagens prentende fazer por dia, se vai andar muito a pé.  Se compensa ir carregando conforme o uso, ou já pagar um cartão com valor fixo. Ah, vale relembrar que o Oyster vale em todos os meios de transporte público da cidade. E quem quiser, pode adquiri-lo nos pontos de venda discriminados aqui, no Reino Unido, ou pela internet no VisitBritainDirect, que entrega o cartão pelo correio, mas cobra uma taxa de  £ 3.

Por sinal, o site Transpor for London ainda conta com um Journey Planner, muito legal (bem simples quando comparado com o equivalente de Paris, mas em outro post falo dele).Você coloca seu endereço ou estação de destino e ele te apresenta diversas opções, utilizando: caminhada, ônibus, metrô ou uma combinação entre qualquer um dos três.  Acho que muitas empresas de transporte das grandes cidades do mundo tão fazendo isso. São Paulo tem o da SPTrans que também é muito útil para chegar nos lugares.

O mapinha online do Transport for London ainda deixa um pouco a desejar, mas com o auxílio do google maps, fica tudo perfeito. Por outro lado, disponibilizam um mapa da rede de metrô para impressão em folha A4, muito visível, com um esqueminha muito fácil para localizar a estação que você procura.

1 comentário Adicione o seu

  1. cris disse:

    eu gostaria de saber se com o oyster para zona 1 e 2 eu consigo deslocar do aeroporto ao hotel que fica na zona 1
    Para ir até o hotel, do aeroporto, se for de Heathrow, você terá que comprar um one-way ticket que englobe a zona do aeroporto. Terá que pagar um pouquinho mais caro. Pq vc passa o oyster na catraca para sair da estação e aí ele desconta a tarifa extra. Se for o pré-pago. Se vc comprar o travelcard já não sei como funciona.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s